Foto: Getty Images

“Adiós, Pibe”: Morte de Maradona repercute no mundo do futebol

Diego Armando Maradona faleceu nesta quarta-feira, aos 60 anos, após sofrer uma parada cardiorrespiratória. O mundo do futebol foi abalado pela notícia da morte de um dos maiores jogadores de todos os tempos. Clubes e grandes nomes do esporte prestaram homenagens ao argentino.

O Boca Juniors, clube pelo qual Maradona fez história no início da década de 1980, e depois voltou a defender em meados da década de 1990, declarou: “Eterno agradecimento. Eterno Diego”.

O Napoli, da Itália, também publicou uma mensagem ressaltando que agora Diego Maradona entrou para a eternidade: “Para sempre. Adeus, Diego”. O argentino defendeu o clube entre 1984 e 1991. Conquistou os dois únicos Scudettos da história do Napoli: em 1986/87 e 1989/90, este último protagonizando uma memorável dupla com o brasileiro Careca. Também levantou a Copa da Uefa – atual Liga Europa – de 1988/89, além da Copa Itália de 1986/87 e a Supercopa de 1990.

A federação de futebol da Argentina (AFA) manifestou “sua mais profunda dor pelo falecimento de nossa lenda, Diego Armando Maradona”. Maradona disputou as Copas do Mundo de 1986, 1990 e 1994 pela seleção argentina, sendo campeão em 86, no México.

Maior jogadora de futebol de todos os tempos, com seis títulos de melhor do mundo da Fifa, a brasileira Marta publicou uma foto com Maradona, em que se disse: “Arrasa, triste, chocada… Perdemos um dos Deuses da Bola, uma Lenda HISTÓRICA, e de Âmbito Mundial, que inspirou a TODOS nós” (sic).

O compatriota Lionel Messi prestou a sua homenagem com a seguinte mensagem:

Um dia muito triste para todos os argentinos e para o futebol. Nos deixa, mas não vai, pois Diego é eterno. Guardo todos os belos momentos vividos com ele e queria aproveitar a oportunidade para enviar minhas condolências a todos os seus familiares e amigos”

O astro português Cristiano Ronaldo também lamentou a morte de Diego Maradona. O atacante da Juventus publicou nas redes sociais uma foto antiga ao lado do ídolo argentino: “Hoje despeço-me de um amigo e o mundo despede-se de um gênio eterno. Um dos melhores de todos os tempos. Um mágico inigualável”.

*Globo Esporte

Confira também

Organização dos Jogos de Tóquio confirma redução do número de atletas nas cerimônias, diz jornal

Os organizadores dos Jogos de Tóquio revelaram que as cerimônias de abertura e encerramento das …