Home / Esporte / Vasco avalia nome do zagueiro Lucas Alves, cria do Corinthians
Lucas Alves é um dos capitães do Luzern-SUI e está sendo avaliado pelo Vasco — Foto: Facebook/Luzern

Vasco avalia nome do zagueiro Lucas Alves, cria do Corinthians

Embora priorize a contratação de um lateral-esquerdo ofensivo e de jogadores que atuem mais próximos do gol adversário, o Vasco segue avaliando nomes. O do zagueiro Lucas Alves, revelado pelo Corinthians e com passagem pelo Athletico-PR, chegou às mãos do departamento de futebol vascaíno nesta semana.

Paulista de Osasco, Lucas, de 28 anos e 1,93m, atualmente defende o Luzern-SUI, onde é capitão. Embora tenha contrato com o time suíço até 30 de junho de 2022, o atleta tem interesse em retornar ao Brasil por entender que o momento é de priorizar o lado esportivo e mirar metas ambiciosas.

De acordo com Cid Rodrigues, empresário de Lucas Alves, o pensamento de seu cliente é chegar à seleção brasileira. E o fato de ter se profissionalizado no Corinthians pelas mãos de Tite, quando ainda era conhecido como Lucão, pode ajudar caso tenha sucesso numa eventual transferência para o Vasco ou para outro clube brasileiro.

– O Lucas hoje é um atleta consolidado na Europa, pois veio e ficou. Hoje os objetivos esportivos são muitos, principalmente a seleção brasileira, tendo em vista que o treinador que o subiu do juniores para o profissional no Corinthians era o Tite. Nós sabemos que futebol é muito dinâmico, o Lucas é jovem, evoluiu muito nesses últimos anos e tem capacidade para representar a seleção brasileira – afirmou Cid.

Lucas deixou o futebol brasileiro em 2014 como um desconhecido e tem inspiração em outro zagueiro que teve muito sucesso aqui nos últimos anos e que era praticamente um anônimo antes de voltar ao Brasil: Pedro Geromel, ídolo do Grêmio. Quando o Tricolor Gaúcho o contratou junto ao Mallorca, houve muita contestação, mas o resultado posterior foi muito positivo.

– Ele vem sendo titular desde 2018, jogando os 90 minutos de todos jogos (após a pandemia, participou de nove dos 10 jogos do Luzern, todos como titular). Não tem histórico de lesão e nem de suspensão por cartões. Hoje ele é o capitão da sua equipe e conquistou isso com muito trabalho e respeito perante ao grupo. O interesse em voltar ao Brasil existe sim, até pelo que eu citei acima. E, se formos observar um passado próximo, posso citar o Pedro Geromel, que foi o contratado pelo Grêmio. Até então não se falava muito no nome dele, e ele se tornou o capitão nos títulos recentes do Grêmio e também acabou convocado para seleção brasileira – finalizou Cid.

Ex-jogador do Internacional, Cid Rodrigues mora na Alemanha, país onde jogou no fim da carreira, e ainda não conversou com o Vasco. Quem levou o nome de Lucas Alves ao clube da Colina foi o representante de Cid, André Xavier.

*Globo Esporte

Confira também

Time de Iniesta no Japão, Vissel Kobe lança novo uniforme parecido com o do Botafogo

Time de Iniesta no Japão, o Vissel Kobe lançou nesta quarta-feira seu terceiro uniforme para …