Home / Brasil / Candidatos do Enem se confundem com ‘horário de verão’ e chegam quase três horas antes
ENEM 2019 - DOMINGO (3) – TERESINA (PI) – Sabrina Gomes, 18 anos, não quis arriscar e chegou 3h antes para o primeiro dia do Enem, em Teresina — Foto: Josiel Martins / G1 PI

Candidatos do Enem se confundem com ‘horário de verão’ e chegam quase três horas antes

Candidatos que farão neste domingo (3) a prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) chegaram quase duas horas antes aos locais de prova, após terem se confundido acreditando que haveria horário de verão. Este ano, o governo federal não determinou o tradicional adiantamento dos relógios em alguns estados do país, mas alguns relógios de celulares fizeram o adiantamento automático, segundo o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep).

Naiara Ellen, de 22 anos, disse que chegou ao local de prova às 11h15, segundo mostrava o relógio de seu celular. Contudo, o horário correto era uma hora mais cedo. Ela chegou por volta de 10h15 e aguardará por cerca de três horas para fazer a prova, que iniciará após as 13h no Piauí.

ENEM 2019 - DOMINGO (3) – TERESINA (PI) – Naiara Hellen Santos, 22 anos, não quis arriscar e chegou 3h antes para o primeiro dia do Enem, em Teresina — Foto: Josiel Martins / G1 PI

ENEM 2019 – DOMINGO (3) – TERESINA (PI) – Naiara Hellen Santos, 22 anos, não quis arriscar e chegou 3h antes para o primeiro dia do Enem, em Teresina — Foto: Josiel Martins / G1 PI

“Mas é horário de verão, não? Tem que chegar com uma hora de antecedência em relação a Brasília”, declarou. Ao saber que não teria horário de verão, ela se mostrou surpresa. “Pelo menos, não me atrasei”, contou.

Sabrina Gomes, 18 anos, chegou quase duas horas antes da abertura dos portões. “Hoje é o primeiro dia do horário de verão, não? Fiquei com medo e vim logo cedo. Vai que dar problema na moto”, comentou a estudante.

Ao saber que não teria horário de verão, Sabrina também se surpreendeu. “Vi no WhatsApp, na internet”, disse.

Há casos também de candidatos que preferiram não arriscar e perder o horário. Mesmo morando na cidade de União, distante 56Km de Teresina, Luana Maria da Silva Miranda, preferiu chegar 3h30 antes da prova.

“Nunca tive problemas com atraso. Eu cheguei 9h30 porque estava com medo. Hoje é um dia muito importante e não posso perder essa oportunidade porque preparei bastante e espero passar”, disse.

ENEM 2019 - DOMINGO (3) – TERESINA (PI) – Luana Miranda não quis arriscar e chegou 3h antes para o primeiro dia do Enem, em Teresina — Foto: Glayson osta

ENEM 2019 – DOMINGO (3) – TERESINA (PI) – Luana Miranda não quis arriscar e chegou 3h antes para o primeiro dia do Enem, em Teresina — Foto: Glayson osta

Essa é a quarta vez que Luana Maria faz o Enem para tentar uma vaga para o curso educação física na Universidade Federal Piauí (UFPI).

A mãe da jovem, Rosa Maria da Silva, contou que, por segurança, prefere acompanhar a filha. “O local onde moramos é bem deserto. Fico com um pouco de medo dela ficar sozinha na parada de ônibus, por isso eu acho importante acompanhar até mesmo para apoiá-la”, falou.

Confira também

Bode é flagrado dentro de ônibus do BRT no RJ

Um bode foi flagrado dentro de um ônibus do BRT que estava parado na Estação …