Home / Entretenimento / Terceira temporada de Stranger Things tem primeira personagem LGBTQ+ da série
Foto: Reprodução

Terceira temporada de Stranger Things tem primeira personagem LGBTQ+ da série

A sério do “mundo invertido” sensação da Netflix estreio nesta quinta-feira (4) e trouxe, junto com os dramas adolescentes e maior violência, a terceira temporada de Stranger Things também apresenta está Robin, vivida por Maya Hawke.

Por mais que haja um clima entre ela e Steve, sendo colegas de trabalho na sorveteria do Starcourt Mall, Robin revela-se como lésbica, e que só deseja a amizade de Steve. É a primeira personagem abertamente homossexual da série.

Em uma temporada totalmente “girl power”, Robin se destaque por ser independente e nada óbvia, assumindo presença marcante mesmo sendo do elenco coadjuvante. Tem o perfil debochado, inteligente, mas desesperançosa com a vida na cidade pequena.

De acordo com o Observatório do Cinema, a terceira temporada da sequência demorou dois anos para estreia, sendo relatada em 1985. “As aulas acabaram e há um novo shopping na cidade, e a turma de Hawkins está crescendo. O romance floresce e complica a dinâmica do grupo, e eles precisarão descobrir como crescer sem se separarem”, diz parte da sinopse.

Além do mundo invertido, explorado nas outras duas temporadas, está bem nítida o clima entre os Estado Unidos e a União Soviética, já que 1985 está acontecendo a Guerra Fria. Com isso, soldados russos são personagens inimigos, um tanto quanto, evidentes.

Stranger Things 3 está disponíveis na Netflix inclusive para downloads.

*Midiamax

Confira também

Coringa passa segunda semana no topo da bilheteria americana

Depois de bater o recorde de estreias de outubro, Coringa celebrou uma nova semana de sucesso permanecendo …