Home / Capital / Campo Grande tem construção de 588 casas populares garantida

Campo Grande tem construção de 588 casas populares garantida

Novos projetos para construção de casas populares por meio do Programa Minha Casa, Minha Vida (MCMV) com investimento de R$ 54 milhões, devem garantir mais 588 moradias em Campo Grande. A Agência Municipal de Habitação (Emha) tem pressa para liberar o montante, pois a previsão é de que a partir de agora, por conta das eleições e do possível novo governo federal em 2019, os repasses diminuam, pelo menos, durante os próximos dois anos.

“Pelo Ministério das Cidades estão aprovadas na Caixa (Econômica Federal – CEF) 300 unidades no Jardim Canguru. Isso me foi confirmado pela secretária Nacional de Habitação, Maria do Socorro Lira. Se não publicarem a liberação do recurso até semana que vem eu vou até Brasília (DF) para resolver”, disse o diretor-presidente da Emha, Eneas José de Carvalho.

Sabendo das mudanças no governo, ele afirma que “estes são os últimos recursos disponíveis do Governo Federal, e nos próximos dois anos não deve ser liberado mais nada, por conta do período eleitoral e de um novo governo. Temos que nos antecipar e garimpar”,  sustentou.

O projeto já aprovado tem previsão de construir 300 casas com investimento de R$ 28 milhões, no Jardim Canguru. Outras 288 moradias devem ser construídas – com R$ 26 milhões em recursos – no Jardim Nashiville. O projeto para desafetar esta área tramita na Câmara Municipal e deve ser votado amanhã.

*Correio do Estado

Confira também

Alta do dólar não afasta turistas e vendas na fronteira crescem

Mesmo com a forte valorização do dólar, movimento de turistas em férias contribuiu para aquecer …