Home / Política / Deputados perdem tempo com votação de projetos inúteis

Deputados perdem tempo com votação de projetos inúteis

Responsáveis pela votação de projetos que devem beneficiar a população sul-mato-grossense, os deputados estaduais andam reclamando das propostas apresentadas por eles mesmos na Assembleia Legislativa, por falta de relevância dos assuntos. Isso acaba atrasando o andamento do governo, já que Reinaldo Azambuja (PSDB) precisa avaliar as sugestões e decidir se são relevantes ou não.

Na quarta-feira (2), os deputados presentes na sessão reclamaram da relevância das pautas e isso acabou em discussão entre os políticos. A questão era sobre projetos de lei que determinam nomenclaturas para ponte e prédio público em Mato Grosso do Sul. Mesmo assim, as duas matérias foram aprovadas e seguiram para sanção do governador.

O debate começou com a crítica do parlamentar Amarildo Cruz (PT). “Mato Grosso do Sul tem rio para tudo quanto é lado e temos tantas outras prioridades para debatermos aqui”, reclamou. 

A discussão sobre esse tipo de projeto não é recente. Em março, também houve confusão entre os parlamentares na Casa de Leis. No caso, as pautas tratavam sobre a proibição da venda de refrigerantes em escolas estaduais, normas sobre o funcionamento de pessoas jurídicas prestadoras de serviço em academias, limpeza dos imóveis não utilizados e normas de cobrança de preço pelos estacionamentos particulares.

 

Todos estes projetos haviam sido aprovados pela Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJR) da Assembleia, porém, acabaram “barrados” por inconstitucionalidade quando foram enviados para sanção do governador. 

*Correio do Estado

Confira também

RedeTV! promove segundo debate entre presidenciáveis

A RedeTV!, em parceria com a revista IstoÉ, promove nesta sexta-feira, 17, o segundo debate entre os candidatos à …