Home / Mundo / Trump comemora após ataque na Síria

Trump comemora após ataque na Síria

Donald Trump comemorou, no Twitter, os ataques aéreos na Síria realizados pelos Estados Unidos em conjunto com a França e o Reino Unido neste sábado. A ofensiva foi uma resposta ao suposto uso de armas químicas contra a população síria, por parte do regime do ditador Bashar Assad.

“Um ataque perfeitamente executado na noite passada. Obrigado à França e ao Reino Unido por sua sabedoria e pelo poder de suas forças militares”, escreveu o presidente dos Estados Unidos. “Não poderia ter havido um resultado melhor. Missão Cumprida!”, completou.

Em pronunciamento no Pentágono, a porta-voz do Departamento de Defesa Dana White afirmou que nenhuma das aeronaves da ofensiva foi interceptada pelas forças militares da Síria, e que todos os alvos foram “atingidos com sucesso”. Ela afirmou que os bombardeios foram pontuais, com o objetivo de neutralizar instalações de pesquisa e desenvolvimento de armas químicas, e que os Estados Unidos não têm intenção de entrar no conflito sírio. White também disse que não houve vítimas, em contradição à informação divulgada por Damasco de que três civis ficaram feridos em resultado da operação.

O general Kenneth McKenzie detalhou a operação, afirmando que 105 mísseis foram lançados a partir do Mediterrâneo e de bases próximas à Síria. Ele negou as alegações do regime do ditador Bashar al-Assad de que vários projéteis foram interceptados pelos sistemas de defesa antimíssil do país, e descreveu os bombardeios como “precisos e efetivos”.

Segundo o Pentágono, foram atingidas e destruídos três alvos: um centro de pesquisa, um bunker e um armazém de armas químicas.

Confira também

Estudante brasileiro é morto nos EUA

Um estudante brasileiro foi esfaqueado e morto na Universidade de Binghamton, em Nova York, nos Estados Unidos, na …