Home / Mundo / Principal partido da África do Sul escolhe novo presidente

Principal partido da África do Sul escolhe novo presidente

No poder desde o fim do Apartheid, o partido Congresso Nacional Africano(CNA) escolheu hoje o seu novo presidente, Cyril Ramaphosa, um dos homens mais ricos da África do Sul e vice-presidente do país. Ele concorreu contra Nkosazana Dlamini-Zuma, que liderou a Comissão da União Africana até março deste ano e é ex-esposa do presidente Jacob Zuma. Dlamini-Zuma contestou o resultado da eleição e exigiu uma recontagem dos votos.

 A escolha liderança do CNA é considerada estratégica para as eleições gerais de 2019, quando Zuma deixará o poder e o novo dirigente do partido provavelmente será apresentado como candidato à presidência da África do Sul. Com raízes no movimento negro anti-apartheid, o CNA assumiu o poder com Nelson Mandela há 23 anos e tem sofrido fortes críticas durante o governo de Zuma.Acusado de se envolver em esquemas de corrupção, Zuma foi condenado em 2016 pela mais alta corte da África do Sul a devolver dinheiro público utilizado em reformas de sua residência particular que incluíram a construção de um anfiteatro, uma piscina e um centro de visitantes. Zuma foi também acusado de estuprar uma amiga da família, mas foi absolvido pela Justiça.

Ramaphosa, de 65 anos, é um ex-líder sindical que se tornou um dos empresários mais ricos do país. O combate à corrupção e a revitalização da economia são os principais pilares de sua plataforma, que é bem vista também por investidores internacionais.

*Com Reuters

Confira também

Rússia se opõe à resolução da ONU sobre a Síria

O embaixador da Rússia na ONU, Vassily Nebenzia, rejeitou uma proposta de resolução da ONU sobre a Síria proposta pelos Estados Unidos, …