Usuário de drogas é morto a tiros em bairro da capital

Bruno da Silva Carvalho, 27 anos, morreu na madrugada de hoje, 16, na Santa Casa, depois de ser baleado na Vila Progresso, na noite de ontem, 15, em Campo Grande. A morte pode estar envolvida com um roubo que um travesti cometeu, no mesmo lugar do crime.

Conforme informações do boletim de ocorrência, populares relataram que volta das 19h15, um veículo Fiat Uno Vivace de cor branca, conduzido por um homem ‘grisalho’, parou ao lado da vítima efetuou vários disparos, em seguida foi embora.

Populares ainda relataram, que o crime pode estar envolvido com um roubo que uma travesti, que já está presa, cometeu. Pois o autor dos disparos seria a vítima dos disparos. Em contato com a mãe da vítima, ela apenas relatou que o filho seria usuário de drogas.

Bruno foi atendido pela equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência – Samu e encaminhado para a Santa Casa. Devido à gravidade dos ferimentos, não resistiu e morreu por volta das 2h40 de hoje. O caso foi registrado na Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário do bairro Piratininga e será investigado.

*Diariodigital

Confira também

Caminhoneiro de MS é sequestrado enquanto fazia reparos no veículo em rodovia

Na manhã de sábado (18), homem procurou a polícia para relatar que o pai, de …