Caça aos Pokémons tem agenda no fim de semana

Está marcada para este sábado, 13 de agosto, uma tarde de caça aos Pokémons, no Parque das Nações Indígenas, em Campo Grande. O 1º Encontro de Pokémons da Capital será a partir das 14 horas. Cerca de 1.700 pessoas já confirmaram presença. Além da caçada, o evento pretende proporcionar que os jogadores se conheçam e socializem, segundo organizadores.

O jogo Pokémon Go tem movimentado pontos turísticos em Campo Grande.  Isso porque, o game requer que o usuário ande pela cidade para encontrar os monstrinhos. O aplicativo tem como recurso a localização via GPS de cada dispositivo. A brincadeira tem movimentado diversos espaços públicos em Campo Grande, como o Parque das Nações Indígenas, Horto Florestal, Belmar Fidalgo e Parque Ecológico Sóter.

Visualizados por meio da câmera do celular com a tecnologia chamada realidade aumentada, o usuário deve caminhar em tempo real no espaço físico para conseguir capturar os Pokémons. O aplicativo disponibiliza uma variedade diferente de Pokémons em vários lugares. Ou seja, para ter uma coleção completa o usuário deverá viajar o mundo procurando por tipos diferentes que não terão na sua cidade.

Agora fica a dica para os usuários do aplicativo e seus familiares para conhecerem os vários pontos turísticos da capital, que devem ser ótimos pontos para a caçada aos Pokémons e os famosos *pokéStops. *PokéStops: Essas paradas são locais nos quais o usuário pode conseguir itens importantes gratuitamente.

Elas aparecem em destaque no mapa e permitem que você consiga PokéBolas (objeto de captura do Pokémon) sem precisar gastar dinheiro. Como o jogo é baseado em geolocalização, você precisará andar até a PokéStop mais próxima.

*Diariodigital

Confira também

Prefeitura de Campo Grande abre nova licitação de R$ 5,1 milhões para concluir Centro de Belas Artes

A Prefeitura de Campo Grande abriu nesta quarta-feira (13) nova licitação, desta vez de R$ …