TSJE prepara eleição em Bella Vista Norte

Em 90 dias o Tribunal Superior de Justiça Eleitoral (TSJE) realizará eleição em Bella Vista Norte, para substituir ao prefeito assassinado, Miguel Louteiro, que aconteceu nesta sexta-feira (05) de agosto. Esta no cargo o presidente da Câmara Municipal, interinamente.

Será realizada uma nova eleição nos próximos dias, segundo Luis Salas, diretor do Tribunal Superior de Justiça Eleitoral (TSJE) do Paraguai.

A Lei Orgânica Municipal N ° 3966 estabelece que “em caso de ausência não justificada por mais de 30 dias, renuncia, morte ou impedimento definitivo de um prefeito municipal, ocorrido durante os três primeiros anos do período, o TSJE dentro de 90 dias seguintes que ocorre a vaga deverá convocar novas eleições; diante ao presidente da câmara municipal que assume interinamente o comando da prefeitura.

“De acordo ao que estabelece, em um lapso de três meses devemos convocar a novas eleições, tendo em conta que não foi superado a metade do primeiro ano de mandato. Um prazo de 45 dias acontece às internas e logo em seguido no prazo de 90 dias os eleitores vão às urnas para eleger um novo prefeito”, afirma Luis Salas, diretor de Recursos Eleitoral do TSJE.

Tendo em conta essa normativa, o atual presidente da Junta de Bella Vista, Gustavo Gónzalez Mendoza, assumirá como prefeito interino de Bella Vista Norte Paraguai – Departamento de Amambay.

O prefeito Miguel Louteiro Echeverría e o seu secretario Celso Carvalho foram assassinados nesta sexta-feira (05) de julho por pistoleiros na comunidade de Santa Ana, quando verificava trabalho que estava sendo realizado em una ponte que estava sendo reformada.

*ABC Color

Confira também

Sesc doará adubo para hortas urbanas de Campo Grande

O Sesc de Mato Grosso do Sul e a Prefeitura Municipal de Campo Grande assinaram …