Traficante tenta tirar arma de policial e é baleado na nádega

Operação policial em repressão ao tráfico de drogas acabou com traficante baleado, ontem (31), em matagal à margem da BR-163, perto do posto da Polícia Rodoviária Federal (PRF), em Campo Grande. Marcos Felipe Silva, 23 anos, reagiu à prisão e tentou tirar arma de investigador, mas acabou dominado e atingido por disparo na nádega. Ele e o comparsa Bem Nhur Giordano Dias, 29, que também foi preso, transportavam carregamento de maconha.

O caso foi divulgado na manhã de hoje em entrevista coletiva, na Delegacia Especializada de Repressão ao Narcotráfico (Denar). De acordo com o delegado João Paulo Sartori, operação foi organizada, junto com policiais rodoviários federais, depois de denúncia de que carga de entorpecente estava a caminho da Capital, em picape de cor vermelha.

“Equipe da Denar atuava em viatura descaraterizada quando viu Saveiro, que tinha as mesmas características, e fez acompanhamento. Alguns quilômetros adiante, a dupla desconfiou, abandonou o carro e fugiu por matagal”, disse a autoridade policial.

Bem Nhur foi preso logo que desceu do carro. Marcos conseguiu se esconder e reagiu ao ser encontrado. Ele lutou com policial tentando desarmá-lo, mas foi dominado e baleado na nádega. O traficante foi levado para a Santa Casa e passou por procedimento médico.

No carro, foram encontrados 230 quilos de maconha. Os presos alegaram que pegaram a carga em Ponta Porã e entregariam na Capital. Parte seria distribuída na região do Nova Lima. Revelaram que foram contratados e receberiam R$ 1,5 mil, cada.

Estratégia

Estratégia dos criminosos de falsificar adesivo para despistar flagrante policial chamou atenção. Ainda conforme o delegado, os 230 quilos do entorpecente eram transportados atrás dos bancos dos ocupantes, na cabine. “A Saveiro foi adesivada com informações de empresa de tratores. A carroceria foi deixada aberta, como artíficio para afastar suspeita do transporte ilícito”, citou João Paulo Sartori.

A polícia investiga a participação de terceira pessoa que teria contratado o transporte da droga. A dupla foi indiciada por tráfico, associação e Marcos, ainda, por resistência.

*Correio do Estado

Confira também

Dupla é presa com cocaína avaliada em R$ 5 milhões quando chegava em Campo Grande

Dois homens, de 31 e 33 anos, foram presos em flagrante na noite de sexta-feira …