Entidade que auxilia renais crônicos comemora 30 anos

Há 30 anos, a Associação Beneficente dos Renais Crônicos de Mato Grosso do Sul (Abrec/MS) foi criada com o objetivo de oferecer assistência e apoio para pacientes renais crônicos de Campo Grande e do Estado. São homens, mulheres e crianças que enfrentam sessões de hemodiálise nas clínicas e precisam de apoio psicológico e financeiro.

A iniciativa partiu da nefrologista Maria Aparecida Arroyo, que tomou a decisão de criar uma associação ainda quando era residente em Nefrologia, no Hospital Universitário. Sensibilizada com as dificuldades enfrentadas pelos pacientes, a médica começou a ajudá-los, tirando dinheiro e recursos do próprio bolso. Em algumas ocasiões, abria as portas da própria casa para abrigar e alimentar pacientes.

Decidida, fundou a Abrec/MS. Para manter a entidade, realizava festas quase todos os meses. Com o passar do tempo, conseguiu o apoio necessário, inclusive político, o qual permitiu que a entidade firmasse convênios. Atualmente, a associação conta com apoio do governo e uma sede própria (na Rua Geraldo Agostinho Ramos, 781, Jardim Paulista). Porém, com a crise econômica, Maria Aparecida relata dificuldades.

*Correio do Estado

Confira também

Universidades Federais de Mato Grosso do Sul perdem R$ 140 milhões com cortes do MEC

O Ministério da Educação (MEC) deve cortar, ao longo de 2021, R$ 994,6 milhões dos …