Lula abandonou quem o ajudou a chegar à Presidência, diz Delcídio

O senador Delcídio do Amaral relatou à Justiça em sua delação premiada que a convivência com Lula durante a crise política do mensalão permitiu a ele notar “características muito próprias” da personalidade do ex-presidente. Segundo Delcídio, que disse ter passado por um “exílio político forçado” após presidir a CPI dos Correios, Lula abandonou “todos aqueles que o ajudaram” a chegar à Presidência, entre os quais José Dirceu, José Genoino e Delúbio Soares, e “nunca sabia de nada, evitava assumir qualquer responsabilidade sobre a crise buscando sempre justificativas ou na oposição, ou, eventualmente, nos ‘companheiros’ mais fragilizados”. Ao contrário do que Lula diz a respeito das nomeações de diretores da Petrobras, Delcídio afirma que o ex-presidente participou de todas as decisões sobre as cúpulas das estatais, sobretudo da Petrobras. A indicação de Nestor Cerveró, desmentida pelo Instituto Lula em janeiro por meio de nota, foi sacramentada, de acordo com o senador-delator, depois de uma reunião entre ele, Lula e o ex-governador do Mato Grosso do Sul Zeca do PT.

(Fonte: Veja.com)

Confira também

Lula sobre Alckmin: ‘Quero construir uma chapa para ganhar as eleições’

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva reforçou a hipótese de ter Geraldo Alckmin (de …