Jardim participa do I Seminário Estadual de Políticas Públicas para a Mulher em Campo Grande

A Coordenadora de Políticas Públicas de Assistência Social, Jakeline Ayala participou, de 09 a 11 de março, do Seminário Estadual de Políticas Públicas para a Mulher, uma iniciativa do Ministério das Mulheres, de Igualdade Racial e Direitos Humanos juntamente com o Governo do Estado, que aconteceu em Campo Grande.

Jakeline participou dos debates como “Viver sem Violência, uma questão de Direitos”, palestra ministrada pela Juíza Jaqueline Machado, Juíza Titular da 3ª Vara de Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher da Comarca de Campo Grande, instalada na Casa da Mulher Brasileira.

Também foram discutidos temas como a implementação do Pacto Nacional de Enfrentamento à Violência e a importância dos movimentos sociais na construção das políticas públicas para as mulheres, Lei Maria da Penha, Igualdade de Gênero e Deficiências, Feminismo, Violência Contra a Mulher, Sarau da Mulher, Homofobia, Lesbofobia, Transfobia,

O seminário é organizado pela Subsecretaria de Políticas Públicas para Mulheres (SPPM), pasta ligada à Secretaria de Estado de Direitos Humanos, Assistência Social e Trabalho (Sedhast) em parceria com o Ministério das Mulheres, Igualdade Racial e Direitos Humanos.

A gestora da Casa dos Conselhos de Ponta Porã, Carmem Ely, reforçou o empenho que a Subsecretaria de Políticas Públicas para Mulheres vem dando aos municípios. “A equipe está fortalecida porque temos todo um suporte para nos direcionar nos trabalhos, tanto em capacitações e também nos materiais que são fornecidos. A orientação que recebemos é fundamental para os procedimentos que são realizados em nosso município, isso torna o serviço muito mais eficaz”, destacou Carmem.

O Governo do Estado instituiu o Comitê Gestor Estadual de Implementação, Avaliação e Monitoramento das Políticas Públicas para Mulheres, órgão vinculado à Sedhast e competente para propor e para promover a implementação, avaliação e monitoramento das políticas públicas para mulheres no âmbito do Estado de Mato Grosso do Sul, com a finalidade de elaborar diretrizes, metodologias, mecanismos e procedimentos a serem implementados pelo órgão gestor estadual das políticas públicas para mulheres.

Para Jakeline, o Seminário foi de grande importância para a troca de experiência entre as redes de atuação na luta contra a violência e violação dos direitos da mulher, destacando ainda uma grande mudança no comportamento da sociedade no enfrentamento da violência e a amplitude que novas questões apresentaram. Ela ainda afirma que a experiência deixou claro que o trabalho realizado em Jardim está em consonância com as atividades mais atuais no país, ainda trazendo novidades que serão aplicadas ainda este ano nas políticas públicas para a mulher em Jardim.

 

Hudson Lauro

 

 

 

 

 

 

Confira também

Bebê de 10 meses que teria sofrido violência sexual tem morte cerebral

Criança foi internada na tarde desta segunda-feira (15) O bebê de 10 meses que foi internado …