Homem é preso por ataque racista a Taís Araújo

Um homem de 26 anos foi preso nesta quarta-feira em uma operação policial que investiga os suspeitos de cometerem ataques racistas na internet contra Taís Araújo. Tiago Zanfolim Santos foi detido em sua casa, na cidade de Brumado, na Bahia. Segundo o jornal O Globo, ele faz parte de um grupo responsável por praticar injúrias raciais contra uma série de pessoas, incluindo ainda a jornalista Maria Júlia Coutinho e as atrizes Sheron Menezes e Cris Vianna.

A prisão de Tiago faz parte de uma operação da Polícia Civil do Estado do Rio de Janeiro, por meio da Delegacia de Repressão aos Crimes de Informática (DRCI), para prender os responsáveis pelos ataques racistas contra Taís Araújo. A ação contou ainda com apoio de autoridades de segurança de São Paulo, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Paraná, Bahia e Minas Gerais. O DRCI afirma que o objetivo é cumprir quatro mandados de prisão e onze de busca e apreensão em cidades de todos esses estados.

A polícia do Rio de Janeiro informou ainda que as “ofensas dirigidas à atriz foram premeditadas pelo grupo criado com uma única finalidade: praticar ataques de cunho racista em perfis de redes de relacionamento, páginas e contatos do aplicativo Whatsaap”. “O grupo atuava incitando seus membros para o cometimento das atividades ilícitas de discriminação racial. Os incitadores criavam grupos secretos e temporários para potencializá-los”, informou o órgão em nota.

(Fonte: Veja.com)

Confira também

Anitta diz que indica ex-namorados para amigas: “Pocah é casada com um”

Anitta, de 28 anos, contou no podcast de Virginia Fonseca e Camila Loures, nessa terça-feira …