Bandidos com fuzis estavam em carro-forte e tentavam fugir para o Paraguai

Identificados como Amado Ramão Benitez e Paulo Augusto de Souza, o ‘Pelé’, os suspeitos que estariam no carro-forte na tarde de segunda-feira (7) e trocaram tiros com polícia paraguaia e brasileira. A dupla estava em um veículo sem identificação e, durante a troca de tiros, um adolescente que passava pelo local de motocicleta foi atingido por um disparo e morreu.

Conforme a polícia, ‘Pelé’ é foragido da Penitenciária de Pedro Juan Caballero desde 2011 e há suspeita de que ele e Amado sejam membros do PCC (Primeiro Comando da Capital). De acordo com o site Porã News, os suspeitos transitavam pelas ruas de Pedro Juan Caballero, no Paraguai, no carro-forte, quando seguranças de uma empresa verificaram que o veículo não tinha identificação e alertaram os agentes da Polícia Nacional.

Foi feito acompanhamento e a dupla atravessou com o veículo para Ponta Porã, onde foi feito acompanhamento tático também por agentes da Polícia Federal, Polícia Militar e Polícia Civil brasileiras. Houve troca de tiros e Hugo Gabriel Silva, de 17 anos, que passava pelo local em uma motocicleta acabou atingido e morreu no hospital. Outro homem também teria sido atingido, mas a identificação dele ou estado de saúde não foram divulgados.

Após confronto com a polícia, os suspeitos teriam conseguido fugir a pé e são procurados. Investigadores da 2ª Delegacia de Ponta Porã, coordenados pelo delegado Patrick Linares, atenderam a ocorrência. Há informação de que os suspeitos são perigosos e estariam tentando fugir para o Paraguai.

A dupla estaria armada com pistola 9mm, além de dois fuzis calibre 7.62. Um fuzil foi apreendido e o outro teria sido levado pelos suspeitos.

(Fonte Midiamax)

Confira também

Beijar criança era “normal”, teria dito padrasto em discussão com a mulher

Morto com um tiro na nuca depois de aparecer em vídeo beijando a boca de …