Antes de liberar verba, ministro visita Unidade do Trauma

Ministério da Saúde celebrará convênio com governo local para retomar construção
Está em Campo Grande na tarde desta quinta-feira, dia 7 de janeiro, o ministro da Saúde Marcelo Castro. Cumprindo seu primeiro compromisso em agenda oficial ele visitou as instalações da Unidade do Trauma, ao lado da Santa Casa, junto com o governador Reinaldo Azambuja (PSDB), o prefeito de Campo Grande Alcides Bernal (PP) e outras autoridades. Na sequencia, o grupo partiu para governadoria onde será assinado o convênio que garantirá a retomada das obras da Unidade do Trauma paralisadas há anos.
De acordo com o convênio, o ministério da Saúde irá entrar com R$ 2,5 milhões, cabendo ao município R$ 3,5 milhões e ao governo do estado R$ 1,5 milhão. O governo do Estado já se comprometeu a promover investimentos no hospital visando a ampliação da cozinha e da lavandeira. A Unidade do Trauma contará com 98 leitos de internação, 18 de observação, 10 UTIs, cinco salas de cirurgia e duas de isolamento.

Confira também

Governo cria programa para incentivar o exercício da cidadania em MS

Para incentivar o exercício da cidadania nos sul-mato-grossenses, o governo do Estado criou o programa …