MS é 21º estado com mais trabalhadores sem salário

No período de um ano, o número dos trabalhadores sem renda saltou para mais de 58 mil pessoas
Mato Grosso do Sul é o 21º Estado com mais brasileiros que trabalham sem receber salário. Segundo dados da Pnad (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios) 2014, a cada mil pessoas, 27 trabalham sem remuneração no Estado, cerca de 1,94% dos empregados.
Em todo o Brasil, mais de 2,5 milhões de brasileiros trabalham ao menos uma hora por semana sem receber salário. Apesar desse grupo compor aqueles que trabalham por conta própria e empregados ligados em atividades agrícolas, o cenário aponta para um largo contingente de não remunerados. No período de um ano (entre 2013 e 2014), o número dos trabalhadores sem renda saltou para mais de 58 mil pessoas. Quando se observa os estados brasileiros, o Piauí é o que concentra o maior percentual de pessoas com 15 anos ou mais que trabalham sem receber dinheiro. Dos 1,6 milhão já empregados na unidade federativa, 103 mil não recebem nenhuma remuneração em troca – o equivalente a 6,32% do total da força de trabalho. As mulheres são maioria nessa situação. No ano passado, elas somavam praticamente o dobro do que os homens – 1,6 milhão de 2,5 milhões – que não recebiam salário.

Confira também

CGE determina retorno presencial de servidores

A CGE-MS (Controladoria-Geral do Estado) determina o retorno ao trabalho presencial dos servidores, devido ao …