Empresa é punida por poluição de solo

Local não possuía piso e havia derramamento de resíduos de graxa no chão
Uma equipe da Polícia Militar Ambiental, PMA, de Costa Rica realizou vistoria, em uma empresa de serviços de mecânica em maquinas agrícolas, que funcionava em um barracão e verificou poluição do solo por resíduos de petróleo. O local não possuía piso e havia derramamento de resíduos de graxa, óleo diesel e óleo lubrificante, poluindo o solo e com riscos de contaminação do lençol freático.
A PMA verificou ainda na parte exterior, galões com resíduos derivados de petróleo à céu aberto, sujeito a carreamento ao Rio Sucuriú, que passa na proximidade da empresa, podendo causar poluição do corpo hídrico. A empresa foi multada administrativamente em R$ 20.000,00 e foi notificada a realizar as medidas para a recuperação do dano, bem como a descontaminação da área afetada. Os responsáveis pela empresa responderão por crime ambiental e poderão pegar pena de um a quatro anos de reclusão.
Fonte: Diariodigital

Confira também

Agepan atua para garantir transporte legal a estudantes que retomaram aulas

Com a volta parcial de aulas presenciais em universidades da Grande Dourados, a Agência Estadual …