Em Dourados, Reinaldo participa de anúncio de investimentos da JBS para Dourados e região

O governador Reinaldo Azambuja participou, na manhã desta terça-feira (1º), do anúncio do plano de investimentos da JBS para os municípios de Dourados, Itaporã, Sidrolândia e Caarapó, que juntos receberão investimentos de mais de R$ 1,1 bilhão.

Esse valor será investido na expansão da unidade de processamento de suínos em Dourados, onde a capacidade de produção será dobrada, gerando mais de 1,550 nossos postos de trabalho. Os investimentos nessa unidade ultrapassam os R$ 500 milhões e toda a instalação da nova fábrica deve ser concluída no fim de 2016.

Para Sidrolândia e Caarapó, o grupo JBS anunciou novas linhas de produção que vão garantir o incremento no volume de produção de frango em 1.398 e 315 toneladas/mês, respectivamente. Em Itaporã, o grupo adquiriu o antigo frigorífico Pedra Bonita para fazer dele a maior planta industrial de perus da América Latina. Todo o frigorífico será revitalizado e modernizado, passando a contar com indústria de ração, incuba tório, granjas, galpões, além de outras estruturas. Nesse complexo, os investimentos serão de R$ 450 milhões, com previsão de início para 2018.

Além desses investimentos, foi assinado também um convênio entre o Banco do Brasil e o grupo JBS no valor de R$ 10,8 milhões, com o objetivo de financiar investimentos em infraestrutura para produtores rurais fornecedores dos frigoríficos.

Para o governador Reinaldo Azambuja, houve um grande empenho do Governo para trazer todos esses investimentos para o Estado, que inclui concessão de incentivos para esses novos empreendimentos. “Estivemos quatro vezes em São Paulo batalhando por esses investimentos. A indústria de Peru, por exemplo, não possuía nem pretensão de se instalar aqui, mais nosso trabalho valeu a pena, pois serão mais de 3,2 mil empregos diretos e 5,7 mil empregos indiretos na cadeia produtiva das quatro plantas”, destacou.

Reinaldo destacou ainda que esse é o tipo de parceria ideal para fortalecer a economia com produtos da indústria de transformação com valor agregado. “Nós queremos esse tipo de parceria, para poder deixar de exportar somente as commodities e fortalecer a economia. O incentivo que estamos concedendo é perto de 90% e obedece a lógica da troca de impostos por emprego. Tenho a certeza de que estamos no caminho certo”, afirmou governador.

O CEO da JBS Foods, Gilberto Tomazoni, ressaltou o bom ambiente para investimentos em Mato Grosso do Sul. “Encontramos aqui um bom ambiente e partiu da vontade do governador que estivéssemos aqui com todos esses investimentos. Temos produção de grãos e podemos expandir através dos incentivos do Governo do Estado”, disse.

Já o prefeito de Dourados, Murilo Zauith, destacou que o município está crescendo e investindo na qualificação de mão de obra. “Dourados hoje é uma cidade que está crescendo, com a abertura de novas empresas e qualificação da mão de obra. Esses são alguns motivos que fazem com que a JBS possa trazer seu know how para cá”, destacou.

Por fim, o superintendente estadual do Banco do Brasil, Evaldo Emiliano de Souza, afirmou que o banco é um grande apoiador do agronegócio do Brasil. “Iniciamos os investimentos integrados em Sidrolândia com R$ 10 milhões e a expectativa é investir R$ 72 milhões”, finalizou.

Confira também

Embaixador do Paraguai visita MS

Para estreitar laços comerciais, sendo um dos motivos a Rota Bioceânica, o embaixador do Paraguai …