Assembleia Legislativa e AABB celebram termo de cooperação

A Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul (ALMS) e a Associação Atlética Banco do Brasil (AABB) de Campo Grande firmaram parceria na manhã desta quarta-feira (4/11). O presidente da Casa de Leis, Junior Mochi (PMDB), e o presidente da instituição, Márcio Modesto, assinaram Termo de Cooperação Técnica que prevê a inclusão de servidores, ativos e aposentados, entre os associados. “É com satisfação e grande alegria que firmamos essa parceria, que é uma conquista para a Casa e aos nossos servidores, que poderão, juntamente com seus familiares, usufruírem de toda a estrutura esportiva e de lazer oferecida pela AABB”, afirmou Mochi.

O presidente do Sindicato dos Servidores da ALMS (Sisalms), Nailor Vargas Marcondes de Souza, informou que aproximadamente mil servidores poderão aderir à associação. “Essa parceria atende a uma reivindicação antiga dos servidores, que não tinham uma área de lazer para frequentar com seus familiares”, disse. Segundo o presidente da AABB, o grande diferencial da instituição é a variedade de atividades oferecidas e a abrangência. “Nosso associado poderá contar com ampla estrutura para lazer, com quadras, quiosques, churrasqueiras, aulas esportivas e cursos diversos; isso tudo em 1,2 mil unidades da AABB espalhadas por todo o Brasil”, explicou. A unidade em Campo Grande, localizada na região do Parque dos Poderes, está aberta ao público de terça-feira a domingo.

Atualmente, a AABB Campo Grande tem 1,1 mil associados. Com a parceria, os servidores da ALMS serão isentos da taxa de adesão, de R$ 650,00. “Os servidores devem nos procurar para serem incluídos entre os nossos associados e pagarão somente as mensalidades”, reiterou Modesto. Os valores praticados são R$ 75,00 para a adesão individual e R$ 108,00 para a familiar, que contempla o titular e os dependentes diretos (cônjuge e filhos). Outras informações podem ser obtidas via telefone: 67 9256.5005 ou site www.aabbcampogrande.com.br. Também participaram da celebração do Termo de Cooperação Técnica o gerente de atendimento da AABB, Álvaro Miranda, e os deputados estaduais: Onevan de Matos (PSDB), Cabo Almi (PT), Paulo Corrêa (PR), João Grandão (PT), Amarildo Cruz (PT), George Takimoto (PDT) e Renato Câmara (PMDB).

Confira também

Sabia? Câmara envia boletins sobre o que os 8 deputados federais de MS fazem em Brasília

Você se lembra em quem votou para deputado federal em 2018 (ou em qualquer outro …