Caravana Siga Bem promove ações de combate à violência doméstica em Campo Grande

Outubro de 2015 – Maior ação social itinerante da América Latina, a Caravana Siga Bem chega nesta segunda-feira (5) ao Campo Grande com o objetivo de promover cidadania e cultura entre caminhoneiros e a comunidade da região. Realizado em postos de combustível, o projeto oferece diversos serviços, como atendimento de saúde, corte de cabelo, massagem, palestras educativas, apresentações de projetos sociais e shows de música. Outra grande atração é o espetáculo teatral “O Cassino do Cupido”, que, de forma bem-humorada, aborda o tema da violência contra a mulher e ensina ao público sobre a Lei Maria da Penha.

Com patrocínios da Petrobras, da Mercedes-Benz e da Bridgestone Bandag, a Caravana Siga Bem acontece nesta segunda (5) e terça-feira (6), no Posto Caravagio (Rod. BR-163, S/N – Anel Rodoviário Jardim Itamaracá) e, depois, na quinta (8) e sexta-feira (9), no Posto Kátia Locatelli (Rod. BR 163, km 460,5), das 12h às 22h. Todas as atividades são gratuitas.

Em todas as etapas, a Caravana Siga Bem promove a apresentação do espetáculo teatral “O Cassino do Cupido”. Escrita pelo jornalista Josemir Medeiros da Silva e dirigida por Tito Teijido, a peça é um espetáculo divertido que discute, de forma bem-humorada, o tema da violência contra a mulher.

“É um espetáculo popular e divertido, que traz a história de uma mulher na busca por um companheiro. Terezinha vai ao palco da Caravana para escolher um dos dois caminhoneiros, um deles faz o papel do bonitão, mas bem mau-caráter; enquanto o outro é educado, mas longe de ser bonitão. Pelo contrário, bem rústico”, afirma Tito Teijido, diretor artístico do espetáculo, que teve consultoria do Instituto Patrícia Galvão.

No Brasil, mais de 53 mil mulheres sofreram agressões durante o ano passado, segundo dados da Secretaria de Políticas para as Mulheres, apoiadora da Caravana. De acordo com o mesmo levantamento, o Mato Grosso do Sul foi o estado com maior índice de denúncias (91,61 para cada 100 mil habitantes) e Campo Grande, a capital com maior taxa de atendimentos a mulheres agredidas.

O estudo mostra ainda que 80% desses crimes são cometidos por homens com quem as vítimas têm ou tiveram vínculo afetivo. Por isso, o projeto tem como objetivo levantar a discussão do tema entre um público-alvo predominantemente masculino, como os motoristas.

“As caminhoneiras e os caminhoneiros têm feito um trabalho inovador em favor da divulgação da Lei Maria da Penha nas estradas do Brasil”, afirma Nadine Gasman, Representante da ONU Mulheres Brasil, que também apoia do projeto.

A Caravana Siga Bem 2015 oferecerá diversas atividades, todas gratuitas: recreação para caminhoneiros e familiares, massagem, corte de cabelo, apresentação de peça teatral, shows de dança, coral, orquestra e palestras educativas. Haverá também o Espaço da Saúde, que contará com o apoio de profissionais especializados das Secretarias da Saúde dos municípios que serão visitados. Nele, os caminhoneiros poderão fazer testes de glicemia, verificar a pressão arterial, tomar vacina, fazer teste rápido de HIV e sífilis, além de outros serviços.

A ação envolve ainda palestras de conscientização, como: Siga Bem Criança, com a participação de profissionais da Rede Nacional de Combate à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes; e Siga Bem Mulher, com profissionais da Rede de Enfrentamento à Violência contra as Mulheres.

O objetivo é promover a reflexão sobre temas importantes para quem vive no dia a dia das estradas. Os caminhoneiros têm um relevante papel de vigilante das rodovias, onde concentram a maioria dos pontos de exploração sexual de crianças e adolescentes. Por isso, esses profissionais são estimulados a levar as denúncias às autoridades por meio do Disque 100.

O projeto também reúne os participantes para debater sobre a Lei Maria da Penha e os casos de violência contra a Mulher.

Outro importante parceiro da Caravana Siga Bem 2015 é a Polícia Rodoviária Federal, que acompanha a ação em todas as etapas com as palestras do Cinema Rodoviário. As palestras têm o objetivo de conversar com motoristas sobre direção segura e responsabilidade no trânsito, orientando também sobre leis de Código de Trânsito Brasileiro.

E, no encerramento de cada evento da Caravana Siga Bem, nos postos participantes, haverá, à noite, apresentações de teatro e música.

Confira também

MS já tem 131 mil vacinados contra Covid-19

Em Mato Grosso do Sul, 131.498 pessoas já receberam a primeira dose de vacinas contra a Covid-19. …