Com adiantamento de recursos obras de asfalto ganham agilidade em Dourados

A parceria feita pelo prefeito Murilo com a Caixa Econômica Federal para garantir o adiantamento de recursos para a execução de obras de asfalto, vai beneficiar todas as frentes que estão em fase de execução e dar agilidade ao início das demais etapas. Alguns bairros já são impactados de forma imediata.

Dentro do pacote de R$ 52 milhões contratados para obras de pavimentação e recapeamento em 23 bairros. Destes, estão em andamento atualmente as frentes nos bairros Jardim Colibri, Novo Horizonte, Chácara dos Caiuás, Martim Cristaldo, Parque do lago 2, Canaã 3 e Parque dos Coqueiros.

Estão com agilidade para que já iniciem numa segunda etapa as obras de asfalto no Potreirito e Canaã 2. A rua Olinda Pires de Almeida já passou por obras de recapeamento e a recuperação nessa outra etapa chegará à rua Raul Frost.

“A partir do momento em que você adianta o recurso, dá mais segurança às empresas e estas trabalham também com mais agilidade. A celeridade na liberação vai impactar todas as frentes de asfalto, não só as que estão em andamento, mas as que estão por vir”, explica Jorge Torraca, diretor do Departamento de Infraestrutura.

O acordo entre prefeitura e Caixa consiste no adiantamento nos trâmites para a liberação nos próximos três meses de R$ 10 milhões, relativos ao pacote total de R$ 52 milhões. A celeridade é nas vistorias nas medições das obras e no caminho que o recurso faz dentro do banco.

Antes, a empresa fazia a medição e informava a prefeitura para checagem. O município encaminhava para a Caixa que realizava sua própria vistoria. Com a medida conferida, o recurso passava por Dourados, Campo Grande e Cuiabá, até que havia o caminho inverso autorizando liberar o valor. Com a agilidade, o dinheiro já fez esse caminho de volta, estando apenas aguardando a medição para autorizar a liberação dos valores.

Também ficou acordado que havendo bastante demanda, podem ser feitas mais de uma vistoria por mês através do banco, o que contribuiria sobremaneira para da agilidade ao andamento das obras. Ao todo, são oito empresas contratadas pela prefeitura para o trabalho.

O anúncio da parceria foi feito pelo prefeito Murilo na quinta-feira passada, dia 30, numa reunião com representantes da Caixa, prefeitura e Sanesul.

Confira também

CGE determina retorno presencial de servidores

A CGE-MS (Controladoria-Geral do Estado) determina o retorno ao trabalho presencial dos servidores, devido ao …