Brasileiros se sentiram golpeados pelo PT, diz presidente estadual do PSDB

O Presidente regional do PSDB e secretário de Fazenda de Mato Grosso do Sul, Márcio Monteiro, esteve na tarde deste domingo (16) no protesto realizado na Praça do Rádio contra o governo Federal e declarou que “este é o momento dos indignados se expressarem de forma democrática”.

Monteiro disse também que os brasileiros estão se sentido traídos pelo atual governo e que tem o direito de protestar contra a corrupção. “Os brasileiros não querem aplicar nenhum golpe, mas se sentiram golpeados pelo PT na eleição passada”.

O protesto foi pacífico, sem nenhum registro de ocorrência, com a participação de aproximadamente 3 mil pessoas, segundo estimativa da Polícia Militar. A organização do movimento não fez a contabilização desta vez.

Durante toda a tarde os manifestantes gritaram palavras de ordem e ergueram bandeiras contra o governo Federal e Municipal. Diferente dos outros dois que já ocorreram no Brasil contra a Dilma, o protesto de hoje se ateve à Praça do Rádio Clube. A organização mostrou vídeos sobre a presidente e Lula, enquanto comentavam casos de corrupção no Brasil.

Além do secretário, foram vistos os vereadores Luiza Ribeiro (PPS) e José Chadid (sem partido). Os dois defenderam maior destaque aos assuntos relacionados à Campo Grande, em especial a Operação Lama Asfáltica e a abertura de processante contra o prefeito Gilmar Olarte.

Confira também

Prefeitura de Campo Grande abre processo seletivo para motorista do Samu

A prefeitura de Campo Grande divulgou, na sexta-feira (22), a abertura do processo seletivo interno …