Ação nas escolas de Dourados melhora saúde bucal das crianças

A realização do Programa Coletivo Escolar que integra o Programa de Saúde na Escola, leva orientações para estudantes sobre como cuidar bem dos dentes e tem contribuição decisiva em Dourados para melhoria no índice que mede a saúde bucal da população. A atividade é desenvolvida pela prefeitura nas escolas das redes municipal e estadual de ensino, e nos Ceims (Centros de Educação Infantil Municipal).
O projeto é coordenado pelo Núcleo de Saúde Bucal da Secretaria de Saúde. Através deste, o profissional de odontologia se desloca rotineiramente a escolas para realização das atividades. A periodicidade geralmente semanal ou quinzenal é realizada conforme a demanda de cada área. O trabalho é realizado nas áreas em que há equipes de Estratégia de Saúde da Família, da qual fazem parte os dentistas.
Ao todo, trabalham na rede escolar sete cirurgiões dentistas e dois auxiliares de saúde bucal. Somente no ano passado, foram realizados 20.973 atendimentos em alunos. Durante a visita a cada escola, o profissional dá aos estudantes orientações diversas sobre saúde bucal, como escovar os dentes corretamente e realiza aplicações tópicas de flúor conhecidas como “bochechos”.
O programa tem produzido um resultado importante, contribuindo de forma decisiva para a redução do CPOD (Índice de Cárie) em Dourados, este que é a referência mundial para medir a saúde bucal da população. “É constatado que todo o trabalho que desenvolvemos nessa área tem resultado na melhoria da saúde bucal da população”, ressalta o secretário de Saúde, Sebastião Nogueira.
O Índice de Cárie que é medido em crianças e adolescentes de 0 a 14 anos de idade vem caindo de maneira consecutiva nos últimos anos. Em 2013 estava em 1,35%, o que já era considerado baixo pela OMS (Organização Mundial de Saúde), no ano passado reduziu para 1,32% e este ano já caiu para 1,12%.
No ano de 2001, a porcentagem era de 3,11%, volume avaliado como alto. A diminuição é fruto do trabalho preventivo realizado pela Secretaria de Saúde em conjunto com a Secretaria Municipal e Estadual de Educação.

Confira também

MS já soma 127 notificações de dengue em 2021

O SES (Secretaria Estadual de Saúde) divulgou, nesta quarta-feira (13), o primeiro boletim epidemiológico de …