Acadêmicos relatam importância do Programa Vale Universidade

Campo Grande (MS) – Acadêmicos selecionados no processo seletivo de inverno 2015 do Programa Vale Universidade, conduzido pela Secretaria de Estado de Direitos Humanos, Assistência Social e Trabalho (Sedhast), assinaram na tarde desta quarta-feira (19), o termo de compromisso formalizando a entrada no programa. O governador Reinaldo Azambuja e a vice-governadora Rose Modesto receberam os novos beneficiários.

Reinaldo Azambuja destacou aos selecionados o esforço que o governo do Estado vem fazendo para equilibrar as contas públicas e investir mais em educação. “Passamos para a nossa equipe a importância de estarmos com as contas em dias, cortando excessos e gastos desnecessários para que com esses recursos possamos ampliar o acesso a programas como o Vale Universidade. Assim como vocês, muitos outros acadêmicos poderão ser beneficiados com esse recurso economizado”, ressaltou.

Em sua fala, a vice-governadora reafirmou o compromisso com o desenvolvimento do Estado atrelado a área social. “Temos um compromisso na área social e com o desenvolvimento do Mato Grosso do Sul, que sem dúvida passa pelo acesso à educação. O momento é de dificuldade, mas mesmo assim vamos continuar lutando por mais vagas e favorecendo assim mais acadêmicos em busca de seus sonhos”, pontuou Rose Modesto.

Beneficiado por esse compromisso é o acadêmico de Comunicação Social, Willian Leite, 27 anos. Cursando o último ano em uma instituição privada, o acadêmico viu no Programa Vale Universidade a oportunidade de concluir seus estudos. “Já estava certo de trancar o curso. Não tinha como continuar pagando a mensalidade, até que me inscrevi nessa edição e consegui entrar. Foi a minha salvação”, disse.

Compartilhando da mesma dificuldade, de arcar com as mensalidades, Stephani Barbosa, 20 anos, acadêmica do curso de Nutrição, não teve dúvidas e se inscreveu no PVU. “Era minha saída. Estou no primeiro semestre de um curso integral e as coisas já estavam ficando difíceis. Minha família não teria como me ajudar e se não fosse esse programa teria que parar de estudar. Essa é uma oportunidade ótima e que deve ser levada para mais pessoas”, pontuou.

Os selecionados pelo Programa Vale Universidade, que assinaram o termo de compromisso, agora começam a estagiar em uma instituição designada pela coordenação do programa. São 20 horas semanais e o acadêmico recebe vale-transporte para ter um maior contato com sua área de atuação.

O evento, realizado na Escola do Sistema Único de Assistência Social, na Capital, contou também com a participação de secretário de Estado, superintendentes e representantes de instituições de ensino superior.

Vale Universidade de Inverno

Para o Processo Seletivo de Inverno foram 1.628 inscritos de todo o Estado; 941 foram pré-habilitados e 500 selecionados. No Processo Seletivo de Verão, foram 3.443 acadêmicos inscritos, com 666 novos habilitados. O número restante de atendidos pelo programa refere-se aos acadêmicos que já estão inseridos no sistema. Em 8 meses de governo, o total de inscritos foi de 5.071 acadêmicos.

Confira também

Com variante do coronavírus, MS chega a 94% de leitos UTI ocupados

Apesar de já ter vacinado 125.183 pessoas contra a Covid-19, Mato Grosso do Sul vive seu pior momento …