Saúde pública em Dourados atende 27 mil pessoas na área odontológica

A saúde bucal da população vem recebendo atenção especial em Dourados. Nas Unidades Básicas de Saúde da Família mantidas pela prefeitura através da Secretaria de Saúde, dentistas e auxiliares de saúde bucal trabalham para acompanhamento dos douradenses. Para se ter ideia do tamanho deste trabalho, somente no ano passado foram realizados nas unidades 27 mil atendimentos individuais.
São ao todo, 51 cirurgiões dentistas e auxiliares de saúde bucal, além de um técnico da área trabalhando nas unidades de saúde do município. Eles atendem através de agenda, ao menos cinco pacientes por período. A consulta pode ser marcada no próprio posto. Os critérios para a fila levam em consideração a urgência do caso e os critérios estabelecidos em lei, como preferência para idosos, pessoas com deficiência, entre outros.
Algumas das vagas para atendimento são deixadas todos os dias para casos urgência que venham a surgir na unidade de saúde. Para esta definição, o paciente passa por uma triagem. É considerado de urgência casos, por exemplo, que envolvem fortes dores, infecções ou outros agravos que não podem esperar, como quedas, fraturas.
Além do atendimento nas unidades que funcionam das 7h às 11h e das 13h às 17h, também há dentistas disponíveis para atendimentos emergenciais na UPA (Unidade de Pronto Atendimento) 24h das 18h às 00h durante a semana e das 8h às 20h aos finais de semana.
Há ainda unidades básicas de saúde que funcionam atualmente no período noturno, são estas: Vila Vargas, Parque das Nações II e Seleta. Nestes locais também há dentistas disponíveis a noite tanto através de agendamento, quanto para a demanda espontânea de urgência.
Além do trabalho ambulatorial e curativo, os dentistas ainda fazem parte das equipes que acompanham situação da saúde bucal das famílias que estão em área de abrangência das unidades, e realizam um importante trabalho preventivo.
Eles integram a Equipe de Saúde da Família que é multidisciplinar e realiza visitas domiciliares, além de participar de programas voltados a pacientes com hipertensão e diabetes, gestantes, entre outros.
Estruturar os serviços de Atenção Básica como forma de melhorar o atendimento à população e incentivar a saúde preventiva, é um dos focos da administração do prefeito Murilo. Com a população conhecendo como prevenir, diminui as chances de ficar doente, tem mais qualidade de vida e colabora para desafogar os serviços de saúde.
A ‘porta de entrada’ para o serviço de odontologia da rede pública é a unidade de saúde. Os dentistas que trabalham nestes locais são sempre os que fazem o primeiro atendimento. Se constatado que eles mesmos podem dar continuidade ao tratamento, este é feito no posto. Caso o profissional detecte que o paciente precisa de um especialista, ele é quem realiza o encaminhamento.
“Desde o serviço básico até o especializado, nós prezamos pelo bom atendimento ao douradense. Dessa forma, trabalhamos de maneira constante para a estruturação de todos os serviços, inclusive na área da saúde bucal”, relata o secretário de Saúde, Sebastião Nogueira.

Confira também

Escolas de MS ficarão fechadas por um ano

O governo do Estado decidiu que o retorno das aulas na Rede Estadual de Ensino …