PSB fará visitas aos municípios para reestruturar partido visando pleito eleitoral de 2016

O Partido Socialista Brasileiro de Mato Grosso do Sul, a partir de agora, vai dar início a um novo processo para aumentar o seu número de filiados e definir os rumos do processo eleitoral de 2016.

Seguindo determinação da Executiva nacional, o PSB dá início a uma reestruturação partidária visitando os 79 municípios do Estado para definir com as principais lideranças, o cenário político no interior e na Capital. A informação foi dada nesta segunda-feira (8) pela deputada Tereza Cristina em reunião com integrantes da Executiva estadual e municipal da sigla.

Visando o pleito eleitoral de prefeitos e vereadores, o Partido Socialista Brasileiro vai viajar pelos municípios estabelecendo parcerias com lideranças locais que já sinalizaram interesse em compor a sigla. “O interior está em ebulição, tem gente nova querendo filiar-se ao partido, gente nossa querendo ser candidato”, informou Tereza.

Segundo a parlamentar, as parcerias visam o cumprimento de uma meta estabelecida pela própria Executiva nacional do PSB. “Atualmente em Mato Grosso do Sul temos quatro prefeitos, queremos dobrar esse número de dirigentes municipais, alcançando assim o maior número de prefeitos, inclusive na Capital. Existem diversas pessoas nos procurando para compor a sigla. Estamos fora da polarização partidária que envolve as siglas maiores. Somos uma opção para quem quer fazer uma nova política no Estado”, declarou.

O reordenamento visa alinhar o PSB para que o partido tenha mais representatividade política em âmbito municipal, estadual e federal. “Temos bons nomes para disputar as próximas eleições municipais e para isso queremos ter um partido aberto. Vamos caminhar pelo interior, visitando as cidades para filiar e trazer mais gente para o partido, desta forma poderemos ter mais opções de candidatos a prefeitos e vereadores”, reforçou a parlamentar.
A orientação nacional do PSB é lançar candidatura própria majoritárias e proporcionais. “Temos um partido que tem credibilidade. Somos uma boa opção para quem quer fazer uma política do bem. Uma nova política para aqueles que não querem desistir do Brasil”.

O partido programa para que ainda este mês ocorra uma grande reunião com integrantes da Executiva Nacional, prefeitos, vereadores, deputados, representantes de movimentos partidários, entre outros, para debater o cenário político atual e abordar temas relevantes que estão em votação no Congresso Nacional, bem como o trabalho a ser desenvolvido visando as eleições de 2016.
Dentro da Executiva nacional há uma preocupação com a sucessão municipal da Capital.

A deputada federal Tereza Cristina disse que não descarta sua candidatura para concorrer ao cargo. “Meu nome está à disposição do PSB para disputar essa eleição. Estamos oxigenando o partido, realinhando, trabalhando para fazer o máximo possível de prefeitos em Mato Grosso do Sul”, disse a deputada federal Tereza Cristina.

Confira também

Prefeito de Caracol e Secretária Municipal de Saúde cumprem agendas Campo Grande

O prefeito de Caracol Neco Pagliosa, acompanhado da secretária municipal de Saúde Rosineia Assis estão …