Jovem mata irmã com foice e depois queima o corpo, diz polícia em MS

Suspeito ainda tentou matar outro irmão, mas polícia conseguiu prendê-lo.
Após matar irmã, jovem a arrastou por 10 metros e a escondeu em mato.

Uma jovem de 24 anos foi morta a golpes de foice e carbonizada pelo próprio irmão, de 18 anos, no assentamento Itamarati, em Ponta Porã, cidade a 326 quilômetros de Campo Grande. De acordo com a Polícia Civil, vizinhos sentiram a falta da vítima, e ao andarem pelo local encontraram o corpo dela escondido em um matagal.

Segundo a corporação, o crime teria aconteceu nesse sábado (27), após uma discussão, pois o suspeito não queria ser internado em uma clínica de reabilitação para dependentes de drogas.

Conforme informações do registro policial, o suspeito matou a irmã com golpes de foice, ateou fogo no corpo dela, a arrastou por 10 metros e por fim a escondeu em um matagal. Em seguida fugiu.

A Polícia Civil encontrou o suspeito tentando arrombar a casa de outro irmão. Consta no registro policial que o jovem também queria matar o irmão.

O suspeito foi preso. A foice utilizada no crime foi apreendida com ele. O caso foi registrado como feminicídio, violência doméstica e familiar, destruição e ocultação de cadáver, na delegacia de Polícia Civil da cidade.

Confira também

Membros do PCC são presos com cocaína enterrada em casa em cidade do interior

Dois criminosos, membros da facção criminosa PCC (Primeiro Comando da Capital) foram presos por policiais da delegacia …