Azambuja participa de abertura da Expomara e ressalta importância do agronegócio para o País

Campo Grande (MS) – O governador Reinaldo Azambuja participou da abertura oficial da 47ª Exposição Agropecuária de Maracaju (Expomara), que acontece no Parque de Exposições Libório Ferreira de Souza, no município. Durante a solenidade Azambuja destacou a importância do agronegócio para o País e anunciou a assinatura da ordem inicial de serviço para a pavimentação da estrada da Água Fria.

Segundo o governador a força do agronegócio vem segurando o PIB brasileiro, por realmente impulsionar as economias regionais e ter feito crescer municípios onde atua. “Nesse ano de crise nacional e só no mês de maio Mato Grosso do Sul recebeu o anúncio de mais de 20 bilhões de reais de investimentos no setor de celulose, de grãos e de transformação de matéria-prima em produtos acabados, o que mostra a força da economia do nosso estado, pautada na diversificação. Acredito que se você tem uma economia diversificada você não sente tanto os efeitos da crise, e é o que tem acontecido aqui no MS, que mesmo com a crise vai crescer acima da média nacional”, ressaltou.

Durante o evento Azambuja também anunciou que no mês de julho será dada a ordem inicial de serviço para a pavimentação da estrada da Água Fria. “Já realizamos a licitação e tivemos 52 empresas com propostas. Está semana vamos analisar as cartas e a nossa intenção é trabalhar com duas empresas para fazerem dois trechos, um de 28 quilômetros que vai começar na BR-60 para o lado da Usina de Maracaju e o outro que pegará o começo do asfalto daqui indo até a usina e perfazendo 30 quilômetros. Esperamos concluir essa obra em um prazo de oito meses”.

O governador também falou a redução do ICMS do diesel de 17% para 12%, o que vai igualar Mato Grosso do Sul a outros poucos estados, e sobre o trabalho para a redução à zero do ICMS da tarifa vermelha da conta de energia. Reinaldo também lembrou do planejamento que está sendo realizado para a pavimentação e manutenção de rodovias importantes para o Estado. “O Governo planejou um desenho para quatro anos de rodovias que deverão ser pavimentadas e que receberão manutenção. Acho importante o setor produtivo ter boas estradas para escoamento das riquezas que são geradas”, disse.

Ao final de seu discurso o governador retomou a importância da agropecuária brasileira e frisou. “O produtor brasileiro já faz sua parte, agora é preciso que os governos o façam, aumentando a competitividade, diminuindo os tributos, aumentando realmente a produção e a renda no campo. Também é preciso ter seguro e estabilidade, além do crédito sem o qual fica difícil produzir. Que continuemos com juros acessíveis”.

Participaram da solenidade de abertura da Expomara o prefeito de Maracaju, Maurílio Azambuja; o presidente do Sindicato Rural do município, Juliano Schmaedecke; o secretário de Estado de Governo, Eduardo Riedel; o titular da Secretária de Produção e Agricultura Familiar (Sepaf), Fernando Lamas; o superintendente do Senar/MS, Rogério Beretta; a deputada federal, Tereza Cristina Correa da Costa Dias; o presidente da Câmara Municipal de Maracaju, Hélio Albarello e outras autoridades.

A Expomara

Realizada pelo Sindicato Rural de Maracaju em parceria com a Prefeitura, a Feira espera este ano, segundo o prefeito Maurílio Azambuja atrair 30 mil visitantes. A Exposição conta com diversos expositores, shows, palestras técnicas, leiloes, julgamentos de animais e apresentações de tecnologias voltadas ao setor agropecuário.

Maracaju se destaca em Mato Grosso do Sul como o maior produtor de grãos e a Expomara é tida como a grande fomentadora de boas oportunidade de negócios.

Confira também

Mais 55,5 mil doses da Astrazeneca chegam a Mato Grosso do Sul

Mais 55.500 doses da vacina da AstraZeneca chegaram nesta quinta-feira, dia 06, a Mato Grosso …