Navios da Expedição da Cidadania zarpam do rio Paraguai com serviços essenciais à população

Campo Grande (MS) – Teve início nesta segunda-feira (11) a Expedição da Cidadania no rio Paraguai, em Ladário. O projeto é da Associação dos Juízes Federais do Brasil (Ajufe) e tem como objetivo levar a Justiça Federal e outros serviços essenciais ao exercício da cidadania às populações de locais de difícil acesso.

Entre os dias 11 e 29 de maio, a Expedição da Cidadania vai percorrer o Rio Paraguai de Mato Grosso do Sul a Mato Grosso, nos navios Paraguaçu e GREPD-01. A iniciativa tem parceria com a Marinha do Brasil e com o Governo do Estado de Mato Grosso do Sul, além de instituições que vão ajudar na realização de atividades de assistência à saúde e serviços ligados aos direitos dos cidadãos.

Todos os povoados, vilas e cidades entre os municípios de Ladário e Cáceres (MT) serão atendidos pela Expedição da Cidadania em 2015, conforme informou a Ajufe.

Na primeira fase do projeto, que ocorreu entre os dias 10 e 27 de março, foram feitos pré-atendimentos para identificar as necessidades dos cidadãos, como expedição dos documentos, elaboração dos requerimentos administrativos de benefícios previdenciários e as atermações de processos nos Juizados Especiais.

Na segunda etapa, que teve início nesta segunda-feira (11), serão entregues os documentos, realizadas as audiências de instrução e julgamento dos processos. Ao longo dos dias também haverá prestação de serviços ligados ao atendimento médico, odontológico e oftalmológico, entre outros.

O Governo do Estado de Mato Grosso do Sul está presente na expedição por meio dos seguintes órgãos: Fundação do Trabalho de Mato Grosso do Sul (Funtrab), Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp), Fundação de Turismo (Fundtur), Secretaria de Estado de Saúde (SES) e Defensoria Pública do Estado. Outras instituições que estão presentes são: Tribunal Regional Federal da 1ª e da 3ª Região, Cartório de Registro de Pessoas Naturais de Corumbá, Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS) e Prefeitura de Corumbá.

Confira também

Paulo Corrêa exalta trabalho da Polícia Civil e ressalta parceria da ALEMS

Graças às decisões políticas, que passam pelo crivo da Assembleia Legislativa, as forças de Segurança …