Chuva deixa moradores ilhados e causa transtornos em bairros de Campo Grande

Carros precisaram ser retirados da lama por uma escavadeira

Juliana Rezende e Wendy Tonhati

A previsão do tempo indicou que este sábado (16) podia ter um volume de chuva de apenas 7 milímetros, conforme o dados do Climatempo. No entanto, apesar de pouca e rápida, a chuva derrubou árvores, alagou ruas e deixou moradores literalmente na lama.

Por volta das 14 horas de hoje, a Rua Quinze de dezembro, na Vila Nascente, região do Parque dos Poderes, ficou intransitável. A via está em obras e o pouco do asfalto que tinha no trecho foi levado pela água. O lugar ficou tomado pelo barro e chegou a deixar pessoas ilhadas.

Morados gravaram vídeo da situação da rua e enviaram para o WhastApp do Midiamax – Veja:

Um carro atolou na rua com o motorista dentro e foi preciso uma escavadeira para retirar o veículo. Muitos moradores também não conseguiram chegar até as residências por causa dos buracos abertos na via.

“A rua está em obras há dois dias e sempre que chove a água desce com força, mas hoje nos surpreendeu”, disse Daiane Lira, moradora. Outros veículos também ficaram com parte das rodas presas ao barro.

Ainda na região,  ventos que surgiram com a chuva derrubaram um pé de Ingá, perto da Governadoria. A Rua José Nunes da Cunha ficou parcialmente interditada por causa da queda e o Corpo de Bombeiros foi acionado para retirar a árvore do local. A chuva também causou alagamentos na Vila Piratininga e atingiu regiões dos Bairro Coophavilla II e Pioneiros.

Confira também

Paulo Corrêa exalta trabalho da Polícia Civil e ressalta parceria da ALEMS

Graças às decisões políticas, que passam pelo crivo da Assembleia Legislativa, as forças de Segurança …