“Vamos avançar e manter o foco no combate à violência contra a mulher”, diz Simone Tebet

A senadora Simone Tebet (PMDB-MS) afirmou que o foco da Comissão Permanente Mista de Combate à Violência contra a Mulher é avançar em relação às ações necessárias ao enfrentamento do problema.

Nesta terça-feira (14), a Comissão ouviu a ministra-chefe da Secretaria de Políticas para as Mulheres, Eleonora Menicucci. Ela apresentou as ações da Secretaria e afirmou que a violência é a face mais cruel do machismo. “A execução é mais efetiva quando há o monitoramento dos parlamentares e da sociedade”, disse Eleonora.

A ministra sugeriu que a Comissão atue em prol da aprovação de projetos importantes que foram sugeridos pela CPMI, que trabalhou por três anos e produziu um relatório com a sugestão de vários projetos de lei, entre eles, o que tipifica o Feminicídio como crime hediondo, que virou lei recentemente.

“É um ponto de partida, vamos acelerar todos os projetos de lei que tramitam na Câmara ou no Senado”, afirmou a presidente da Comissão, Simone Tebet. A senadora explicou que a comissão permanente foi criada com o foco no combate de qualquer tipo de violência contra a mulher e temáticas paralelas em relação a questão de gênero serão debatidas em outras instâncias.

A relatora da comissão, Luizianne Lins (PT-CE), foi indicada nesta terça-feira. Ela deve apresentar um plano de trabalho em 30 dias.

Assessoria de imprensa

 

Raquel Madeira

Assessora de Imprensa da Senadora Simone Tebet

Confira também

Veículos com placa final 0 tem até dia 31 de outubro para quitar licenciamento

Outubro é o ultimo mês do calendário de licenciamento para o exercício 2021. Os proprietários de …