Prefeitura coleta dados para edição do Inventário Turístico de Dourados

O Núcleo de Turismo da Semdes (Secretaria de Desenvolvimento Econômico Sustentável) da Prefeitura de Dourados faz coleta de dados até o dia 30 de abril para a segunda edição do Inventário Turístico de Dourados 2015.

A primeira edição foi lançada em 2012. É uma ferramenta criada pelo prefeito Murilo para dar suporte ao planejamento e desenvolvimento do turismo, uma das principais atividades econômicas de Dourados.

O inventário contém informações básicas sobre potenciais atrativos turísticos, eventos, equipamentos e serviços turísticos, serviços de apoio a turismo, prestadores de serviços de lazer e entretenimento, infraestrutura urbana e de apoio ao turismo, sistema de comunicação, hospitalar, educacional e segurança o município.

Até o momento, de acordo com a turismóloga Rejane Delvalle Morinigo, já foram catalogadas 1.105 empresas, entre elas 265 prestadores de equipamentos e serviços turísticos, 148 de apoio ao serviço do turismo, 88 prestadoras de serviços de lazer e entretenimento, 42 de comunicação, 435 prestadoras de serviços médico-hospitalares e 127 u prestadoras de serviços educacionais.

Rejane explica que o inventário mostra a oferta turística de Dourados, através da identificação dos potencias atrativos, serviços e equipamentos turísticos, as estruturas de apoio ao turismo e outras condições gerais que viabilizam a atividade turística. “São informações essenciais para que se planeje e gerencie adequadamente o processo de desenvolvimento turístico de forma competitiva e sustentável no município”, informa.

Desde que assumiu a Prefeitura em 2011, Murilo tem se preocupado em criar condições para o desenvolvimento do turismo, umas das grandes vocações do município. Além do inventário turístico, a Prefeitura realizou uma pesquisa turística. No ano passado foi lançado o Guia Gastronômico de Dourados. É um conjunto de ferramentas essencial para o planejamento.

Em 2013 e 2014 foram realizados três festivais gastronômicos com muito sucesso, que promoveram aumento na movimentação dos restaurantes e lançaram pratos novos da culinária loca no mercado. A Prefeitura também melhorou o aeroporto, que resultou na ampliação dos voos, e a rodoviária.

A Prefeitura também trabalhou no apoio à regularização das empresas turísticas e na organização do setor, tornando Dourados uma das cidades com maior grau de desenvolvimento turístico no Estado.

Em 2013 e 2014 Dourados ficou na categoria Colher, a principal, do Programa de Classificação dos Municípios da Fundtur (Fundação de Turismo de Mato Grosso do Sul). Na 1ª fase, em 2013, apenas Bonito e Dourados ficaram na categoria ‘Colher’. No ano passado, entrou também Corumbá (3º) e Campo Grande (4º).

Outra importante atuação do prefeito Murilo para promover o turismo em Dourados foi na qualificação profissional, através do programa “Qualifica Dourados” e a realização de grandes eventos, como o Canasul & Agrometal, a Feira do Empreendedor, a Festas Junina e a Festa do Peixe.

Os empreendimentos turísticos ou de apoio ao turismo que não entraram no primeiro inventário ou empresas abertas em 2013, 2014 e 2015 podem se cadastrar no Núcleo de Turismo pelo e-mail semdesturismo@gmail.com.

Confira também

Paulo Corrêa vai representar o governador Reinaldo Azambuja em agenda com Bolsonaro

O presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul (ALEMS), deputado Paulo Corrêa (PSDB) …