Ministro cria grupo de trabalho para elaborar o Sistema Nacional do Esporte

O Diário Oficial da União (DOU) publicou a portaria que cria o Grupo de Trabalho que vai discutir as propostas e elaborar o Projeto de Lei de Diretrizes e Bases do Sistema Nacional do Esporte. O documento irá nortear as políticas esportivas do país.

A discussão do Sistema Nacional vai definir as funções dos governos federal, estadual, municipal, das entidades privadas, federações, confederações e clubes para as políticas do setor. “O Grupo de Trabalho será um espaço de diálogo e formulação de propostas, para que até setembro a gente apresente o texto ao Congresso Nacional”, explicou ministro George Hilton.

A ação visa deixar a massificação da prática esportiva em todo o território nacional como o legado a partir dos megaeventos esportivos que o país passou a receber nos últimos anos. O Grupo de Trabalho terá o prazo de noventa dias para a conclusão dos trabalhos, podendo ser prorrogado, sucessivamente, por períodos iguais.

Segundo a portaria, o Ministério do Esporte poderá firmar parcerias com entidades públicas ou privadas, sem fins lucrativos, visando a fomentar ações relevantes para viabilizar os objetivos estabelecidos no plano.

A proposta é criar uma mudança cultural, em que os investimentos no setor sejam encarados como uma política de Estado, direito de todos os brasileiros. Assim, com o Sistema Nacional os investimentos na área não ficarão vulneráveis as mudanças de governos, para que as diretrizes e bases sejam cumpridas por todos.

A prática esportiva acessível a todos os brasileiros, investimentos claros e contínuos, para transformar o Brasil em um país que pratica esporte são os objetivos do grupo de trabalho. Garantindo a educação física nos primeiros anos de ensino, passando pelos clubes formadores de atletas e chegando ao alto rendimento.

Confira também

Vasco apresenta balanço financeiro e anuncia dívida superior a R$ 800 milhões

Em evento inédito no clube, o Vasco realizou uma coletiva – em forma on-line – …