Encontro debate as políticas públicas para a área rural em Bonito

A equipe da Seprodes (Secretaria de Produção e Desenvolvimento Rural) realizou um encontro para esclarecer e debater as políticas públicas do Território da Reforma ou Território Rural. Com apoio da Agraer (Agência de Desenvolvimento Agrário e Extensão Rural) e do CMDRS (Conselho Municipal de Desenvolvimento Rural Sustentável) foram abordados temas como a liberação de recursos para associações e cooperativas e a legalização de produtos agroindustriais.

De acordo com o secretário da Seprodes, Claudionor Gauna Trelha, a reunião tem como objetivo clarear as ideias do pequeno produtor e ajudá-lo a traçar um caminho de crescimento em Bonito. “Queremos trabalhar nesse novo modelo do pequeno produtor e esperamos que essa seja a primeira de muitas reuniões”, afirmou, durante a abertura do evento.

O primeiro palestrante da noite foi o conselheiro do território da reforma de Mato Grosso do Sul, Valdevino Santiago. “É importante que os produtores rurais conheçam sobre a denominação e o que acarreta o território da reforma. É possível acessar todas essas informações e outras também pelo site do Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA), do Governo Federal”, explicou. Além dos conselhos iniciais, Valdevino falou sobre o processo de busca e liberação de recursos para as associações e cooperativas da Agricultura Familiar.

Em seguida, a coordenadora do Serviço de Inspeção Municipal de Anastácio, Débora Nogueira abordou a Legalização de Produtos Agroindustriais da Agricultura Familiar e os representantes da Agraer, o agrônomo Paulo Sérgio Gimenes e o gestor de desenvolvimento rural, Alexandre Ferro falaram sobre o Comércio de Produtos da Agricultura Familiar pela Associação de Consumidores em Bonito.

Confira também

Cidades de MS com menos de 15 mil moradores têm risco extremo para coronavírus

Municípios com menos de 15 mil habitantes estão com risco extremo para transmissão do coronavírus …