Ana Cláudia Lemos bate o próprio recorde sul-americano dos 100m

A velocista Ana Cláudia Lemos, contemplada com a Bolsa Pódio, do Ministério do Esporte, mostrou que está na melhor forma da carreira. Depois de vencer na última sexta-feira (17.4), em Azusa (EUA), com 11s07, a velocista brilhou no sábado (18.4) ao estabelecer um novo recorde sul-americano dos 100m. Ela correu a distância em 11s01 e ficou em segundo lugar no 57º Mt. Sac Relays, no Estádio Hilmer Lodge, em Walnut, Califórnia.

Além de superar o seu próprio recorde sul-americano, que era de 11s05 desde o dia 12 de maio de 2013, ela ficou a 2 centésimos de segundo de correr abaixo os 11 segundos. A cearense, que defende a BM&FBovespa-SP e é treinada por katsuhico Nakaya, ratificou a qualificação para o Mundial de Pequim, em agosto, na China.

“Sabia que estava treinando bem e os resultados são consequência de uma preparação bem feita, sem contusões e com a cabeça boa. Estou muito feliz e otimista para a temporada”, declarou Ana Cláudia, 26 anos.

A série 1 dos 100m foi vencida pela norte-americana Jenna Prandini, com 10s92. Muna Lee, também dos Estados Unidos, terminou em terceiro lugar, com 11s02. Na série 2, que teve Jasmine Tood (11s03) como vencedora, a brasileira Franciela Krasucki ficou em 6º lugar, com 11s51.

Na final dos 200m, Bruna Farias terminou em 8º lugar, com 24s10. A vitória também foi de Jenna Prandini, com 22s42. No revezamento 4 x 100m, a Seleção Brasileira ficou em 5º lugar, com 43s81. A equipe foi formada por Ana Cláudia, Franciela, Vanusa dos Santos e Rosângela dos Santos. A equipe Nike “A” foi a campeã, com 43s05, seguida da USC “A”, com 43s38.

Nos 400m feminino, a maranhense Joelma Sousa conquistou a medalha de prata, com 52s67. A equipe do revezamento 4 x 400m (Geisa Coutinho, Jailma Lima , Joelma Sousa e Liliane Fernandes) também terminou em segundo lugar, com 3min32s22.

O mineiro Jonathan Silva venceu o salto triplo, com 16,46m, enquanto os arremessadores de disco Ronald Julião, com 58,89m, e Fernanda Borges, com 58,48m, conquistaram as medalhas de bronze. Já Izabela Rodrigues, campeã mundial de juvenis da prova, ficou em 11º, com 51,50m.

No lançamento do dardo, Jucilene Lima garantiu a medalha de prata, com 59,80m, enquanto Lilian Seibert ficou com o 4º lugar, com 55,55m.

Já na final dos 100m com barreiras, Fabiana Moraes terminou na 8ª colocação, com 13s43. As atletas dos 100m e dos 400m participam do Camping de Treinamento e Competições nos Estados, em parceria da Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt) e do Comitê Olímpico do Brasil (COB). As equipes se preparam para representar o país no Campeonato Mundial de Revezamentos, que será disputado nos dias 2 e 3 de maio, em Nassau, nas Bahamas.

Confira também

Análise: Inter supera susto, fica a um ponto da liderança e dá peso de final para jogo com São Paulo

A sexta vitória seguida do Inter no Brasileirão – novo recorde do técnico Abel Braga …