Ação preventiva da Iagro monitora propriedades na região de fronteira

Campo Grande (MS) – A Agência de Defesa Sanitária Animal e Vegetal de Mato Grosso do Sul (Iagro) realizou uma ação preventiva em propriedades rurais localizadas na região de fronteira. Ao todo, foram monitoradas quatro propriedades rurais onde a equipe da Iagro solicitou a contagem do rebanho.

A ação preventiva foi desenvolvida em conjunto com outras secretarias de governo: Sepaf, Sefaz, Sejusp e Semade. Para entrar nas propriedades rurais, o Iagro conta com o apoio imediato da Polícia Militar e do Departamento de Operações de Fronteira (DOF).

Segundo o coordenador de postos volantes da Iagro, Rodrigo Cantero, esse trabalho de monitoramento preventivo será feito com maior frequência nas propriedades da região de fronteira, sempre de maneira aleatória. “Vamos realizar ações nas propriedades da região de fronteira, que serão escolhidas aleatoriamente”, disse.

As quatro propriedades rurais que foram monitoradas pelo Iagro estão localizadas em Tacuru, Sete Quedas, Paranhos e Bela Vista. Segundo informações, durante a ação não foram verificadas nenhuma irregularidade quanto à saúde animal do rebanho contado e apenas uma propriedade apresentou irregularidade quanto ao local onde o rebanho estava armazenado. “Foram contados cerca de 500 cabeças de gado e não constatamos nenhuma irregularidade quanto à saúde animal do rebanho”, afirmou Rodrigo.

Confira também

Licitação para obras do Aquário não tem interessados e é declarada deserta

A Agesul (Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos de Mato Grosso do Sul) declarou deserta a oitava licitação aberta para …