Parceria entre Caracol e Bela Vista deve reativar Laticínio Caracolac

Com objetivo de fomentar a geração de emprego e renda, foi firmado uma parceria entre as prefeituras de Bela Vista e Caracol para reativar o Laticínio Caracolac que poderá produzir leite e derivados para a comercialização na região.

Uma reunião de trabalho na manhã de quarta-feira (18/03) no Paço Municipal envolvendo os prefeitos: Dr. Renato de Sousa Rosa (Bela Vista), Manoel Viais (Caracol) e com a participação do vereador Paulinho Pucheta de Caracol, o secretario de Desenvolvimento Econômico de Bela Vista, Waldemir Marques Moraes, secretario de Planejamento, jornalista João Carlos Velasques, secretario municipal de Obras, Jorge Tebicherane e adjunto Carlos Ojeda definiu metas para a realização dessa parceria.

Com a reativação do Laticínio Caracolac haverá uma valorização do leite produzido pelos agropecuaristas da região, bem como os produtos produzidos estarão inclusos na merenda escolar das duas cidades e parte da produção deverá ser absorvida pelo mercado local, com isso gerando emprego e renda para ambos municípios.

Para o prefeito Manoel Viais “os produtores estão cansados de venderem seus produtos e não serem valorizados, essa parceria visa dar o devido valor a quem produz o leite na cidade”.

Segundo o prefeito Dr. Renato de Sousa Rosa “a administração municipal de Bela Vista se coloca a disposição dessa parceria vai ser muito bom para as duas cidades”.

Também aconteceu uma reunião na Câmara Municipal de Vereadores de Bela Vista na manhã de quarta-feira envolvendo as entidades: Agraer, vereadores, Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico de Bela Vista, Secretaria Municipal de Desenvolvimento Rural de Caracol, Conselho Municipal de Desenvolvimento Rural e Sustentável de Bela Vista, produtores de leite, com a finalidade da formação de uma cooperativa que deverá assumir o comando do Laticinio Caracolac para dar continuidade as trabalhos de fabricação dos produtos derivados do leite.

COPA DO MUNDO

O Laticínio Caracolac, localizado em Caracol, a 283 quilômetros de Campo Grande, região de fronteira com o Paraguai, foi o único do País a fornecer leite e seus derivados para hotéis e restaurantes que receberão as seleções de futebol durante a Copa do Mundo de 2014, que foi realizada no Brasil.

A empresa foi a única selecionada para atender toda a demanda, que na previsão inicial, já ultrapassa 400 mil litros em produtos. Detalhe: todo o material é da agricultura familiar, que chega até o laticínio através da Acodecol (Associação Comunitária de Desenvolvimento Artístico e Cultural de Caracol), responsável pela implantação Usina de Beneficiamento do Leite/ Laticínio Caracolac, em 2007, e também pela administração.

Confira também

Governador lança obras de infraestrutura e saneamento em Nova Alvorada do Sul

O governador Reinaldo Azambuja lança nesta quarta-feira (27) novas obras de infraestrutura urbana e saneamento …