Home / Estado / Governo garante apoio a indústria que irá gerar 2 mil empregos em Bela Vista

Governo garante apoio a indústria que irá gerar 2 mil empregos em Bela Vista

Campo Grande (MS) – Em reunião com empresários e secretários de Estado, o governador Reinaldo Azambuja avaliou as ações prioritárias do governo para a instalação e funcionamento da CPX Sul Matogrossense, indústria de cimento, argamassa e concreto que investirá mais de R$ 600 milhões em uma planta em Bela Vista.

Os empresários apresentaram ao governador uma pauta solicitando apoio em três pontos importantes para a instalação da indústria: suporte para a aprovação do Licenciamento Ambiental, apoio financeiro do Fundo de Desenvolvimento do Centro-Oeste e qualificação dos trabalhadores que atuarão tanto na construção da planta como durante o processo de produção.

De acordo com o secretário de Meio Ambiente Desenvolvimento Econômico, Jaime Verruck, o governo irá assinar em conjunto com os empresários e a Prefeitura de Bela Vista um termo de cooperação que determinará as obrigações de cada participante na implantação do empreendimento. O objetivo é evitar atrasos e garantir a concretização dos investimentos na região.

“O governo tem interesse e sabe que uma indústria deste porte será uma redenção econômica para Bela Vista e a região de Fronteira. É uma prioridade para nós e atuaremos como facilitadores deste processo”, afirmou Verruck.

O Licenciamento Ambiental, de acordo com o secretário, deve ser finalizado entre agosto ou setembro. O Estado também garantiu apoio na qualificação profissional. E nas próximas semanas será agendada uma reunião com os gestores do Ministério da Integração Nacional visando a aprovação de projeto de financiamento.

A implantação da CPX Sul Matogrossense deve gerar dois mil postos de trabalho durante sua construção, cerca de 200 empregos diretos e dois mil indiretos durante a operação. A fábrica contará com 320 mil metros quadrados de área construída com capacidade produtiva de 800 mil toneladas de cimento Portland ao ano.

Confira também

Azambuja busca apoio para receber R$ 1,9 bi da Lei Kandir

A bancada sul-mato-grossense considera que viabilizar a compensação de R$ 1,9 bilhão com as perdas …