Governador discute conclusão do Hospital do Trauma com ministro

Brasília (DF) – O governador Reinaldo Azambuja foi recebido na tarde desta quinta-feira (13) pelo ministro da Saúde, Arthur Chioro, em Brasília. Na pauta, convênios e projetos da área que estão em andamento em Mato Grosso do Sul, entre eles a conclusão do Hospital do Trauma, em Campo Grande.

“Foi uma audiência positiva. O mais importante é destravar os hospitais do Trauma e do Câncer. As obras são emblemáticas para melhorar o sistema na Capital e nos 11 polos regionais de saúde”, explicou o governador.

Reinaldo tratou ainda de investimentos ”tripartite”, com R$ 80 milhões em recursos próprios do Estado, R$ 82 milhões em emendas de bancada e outra parte que cabe ao Governo Federal na reestruturação de obras e convênios em andamento.

O ministro se mostrou sensível às demandas do Governo do Estado, que apresentou uma contrapartida que pode agilizar o sistema em parceria com a União. O modelo, segundo o governador, agradou o Ministério da Saúde, o que pode significar agilidade no processo.

Reinaldo Azambuja lembrou que a agilização desses convênios e obras podem representar melhorias importantes para a população de Mato Grosso do Sul.

Segundo o deputado federal Geraldo Resende (PMDB), a bancada federal está coesa para ajudar o governador na “’solução dos problemas na área de saúde no Estado”. O governador também estava acompanhado dos senadores Simone Tebet e Waldemir Moka (os três do PMDB).

Confira também

Licitação para obras do Aquário não tem interessados e é declarada deserta

A Agesul (Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos de Mato Grosso do Sul) declarou deserta a oitava licitação aberta para …