Em início de mandato, Simone Tebet já é indicada para integrar Comissão mais importante do Senado

A senadora Simone Tebet (PMDB-MS) será a primeira representante de Mato Grosso do Sul a integrar – no primeiro ano do mandato – da Comissão de Constituição e Justiça, a mais importante do Senado. A indicação foi formalizada pelo líder do partido, senador Eunício Oliveira (PMDB-CE). O ex-senador, Ramez Tebet, que presidiu o Senado, também ocupou a CCJ em 1999, quatro anos após assumir o mandato.

CCJ

No Senado, todos os projetos iniciam a tramitação pela Comissão de Constituição e Justiça que, antes de analisar o mérito, vota pela constitucionalidade e juridicidade da matéria. O colegiado é composto por 27 senadores titulares e 27 suplentes que são indicados pelas lideranças de acordo com a proporcionalidade partidária.

“Estou muito feliz em poder integrar a CCJ, pois é a minha área. Fui professora de Direito por 12 anos e desejava essa atribuição desde que fui eleita. Estou estudando as proposições em pauta na Comissão para estar preparada para as discussões”, afirmou.

Confira também

Prováveis adversários na disputa pelo governo, André e Riedel se encontram na Assembleia

Eventuais candidatos ao governo de Mato Grosso do Sul, o ex-governador André Puccinelli (MDB) e …