BNDES deve liberar em breve financiamento para Hospital Regional do Bolsão, diz Simone Tebet

A senadora Simone Tebet (PMDB-MS) afirmou que há poucas pendências burocráticas para permitir a liberação pelo BNDES do financiamento para construir o Hospital Regional do Bolsão. Ela participou de uma reunião com o Diretor do órgão, José Henrique Paim Fernandes, nesta segunda-feira (20), no Rio de Janeiro. Também estavam no encontro o senador Waldemir Moka (PMDB-MS) e a prefeita de Três Lagoas, Márcia Moura.

Simone explicou que o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Saúde, vai encaminhar a documentação necessária ao BNDES, mas que o processo já está bastante adiantado, inclusive com a licitação já concluída.

O financiamento foi negociado pelo ex-governador André Puccinelli. Antes de encerrar o mandato, ele deixou em caixa os cerca de R$ 7 milhões necessários à contrapartida do empréstimo. O valor financiado pelo BNDES será de cerca de R$ 35 milhões. “Eu participei desse processo enquanto vice-governadora. Hoje, minha presença e a do senador Moka na reunião serviu para reforçar a importância da obra para o Mato Grosso do Sul”, salientou.

Para Simone, o fato de o diretor do BNDES, José Henrique Paim Fernandes, ter sido secretário Executivo do Ministério da Educação, facilita o trâmite do processo, uma vez que ele acompanhou a criação do curso de medicina do Campus da UFMS de Três Lagoas, há pouco mais de um ano. “Ele já conhecia o projeto do Hospital Regional, que inclui o Hospital Universitário, e sabe o quanto o empreendimento é importante”, disse Simone.

A prefeita de Três Lagoas, Márcia Moura, ficou satisfeita com o resultado da reunião. Ela ressaltou o aspecto positivo da construção da obra. “O Hospital Regional é necessário porque vai complementar o atendimento do Hospital Nossa Senhora Auxiliadora e vai atender a toda a região”, disse.

O Hospital terá atendimento ambulatorial, de hemodinâmica, maternidade, UTI de adulto, pediátrica e neonatal, enfermaria de internação clínica e cirúrgica, além de centros cirúrgicos, auditório, laboratórios e centro de reabilitação. A obra será construída numa área de 19 mil m².

Confira também

Câmara de Jardim aprova por unanimidade aumento de repasse para UTIs do Hospital Marechal Rondon

Em sessão extraordinária presidida pelo vereador Glaucio Cabreira (PSDB), realizada na manhã desta quinta-feira (17), …